Enquanto Oro – Paulo César Baruk

105
Published on 11 de março de 2021 by

Chega um tempo que as palavras somem
E, em silêncio, eu oro

No lugar onde ninguém me vê,
Mas teus olhos ainda me enxergam,
Eu choro

Quem tenho eu além de ti?

Espírito Santo, diz em meu lugar
Aquelas palavras que eu não sei falar
Enquanto oro, enquanto choro

Enxerga nas lágrimas do meu olhar
Aquilo que eu não consigo expressar
Enquanto oro, enquanto choro

Consolador, amigo em todo o tempo
tenho esperança porque estás comigo

Meu redentor, refúgio e fortaleza
Em minhas fraquezas
Me lembro que o Senhor é forte

tão forte…

Artista Tag