Meu Refúgio – Beatriz

63
Published on 12 de setembro de 2018 by

As vezes parece que o grito da alma ecoa vazio
Chorando, gemendo, pedindo pra Deus me escutar
As guerras e lutas parecem tomar minhas forças
As enfrento porque não existe a opção de parar

As feridas que levo na alma
Parece que o tempo é incapaz de curar
Mas comigo carrego a certeza
Que ao meu lado meu Cristo está
Circunstâncias não vão me parar
A dor que carrego não vai me matar
Tenho em Cristo socorro pra alma
Ele vai me ajudar

O choro que lava a minh’alma trará o sorriso pro meu amanhã
Como o sol que renasce mais forte
Brilhando no céu em todas as manhãs
Eu avanço, prossigo avante
Não há tempestade que vai me abalar
Tenho em Cristo o meu Refúgio certo, Deus vai me ajudar

Deus cuidará de ti, do teu viver, no teu sofrer
Seu olhar te acompanhará, Deus velará por ti

Autor: Douglas Evangelista

Artista