Paciência – Weslley Fonseca

155
Published on 8 de dezembro de 2019 by

Inda me pergunto porque nunca desistiu
Sei que dou trabalho por demais
Tantos afazeres deves ter a te ocupar
Mas de alguma forma me escolheu
Vez ainda algum valor em mim

E com paciência vem me ensinar
Continua acreditando em mim
Sou feito criança canso de errar
Tu jamais se cansa de amar

Eu queria todo dia não te entristecer
Te encher de orgulho e nada mais
Pai não sei é justo me amar de um jeito assim
Tenho quase nada a oferecer
Porque ainda insiste tanto em mim

Pode o mundo se acabar
Teu amor por mim não mudará
Se eu de novo errar
Vem com paciência outra vez me ensinar

Inda me pergunto porque nunca desistiu
Sei que dou trabalho por demais

Artista