Pequeninos – Mauro Henrique

209
Published on 28 de janeiro de 2020 by

A vida inteira me escondendo pra não Te encontrar
Te transformei num jeito de pensar
Em uma lei que eu tinha que guardar
Imutei canções e versos pra impressionar
Meu livro em branco ninguém vai notar Jesus na capa e nada pra contar

É que não Estás, no caminho largo pra mim mesmo
Só Te contemplei, no momento que enxerguei Teus filhos

Quando abracei, quando visitei, quando alimentei enfim vi Cristo
Quando me importei, foi que Te encontrei, nos olhares dos Teus pequeninos

Eu aprendo tão somente para ensinar
A Tua palavra é para alimentar
Enche meu peito para transbordar
Eu recebo Tuas bênçãos pra compartilhar
Tudo que eu tenho é feito pra provar
Que Deus é dono de tudo que há

Tu vens me abraçar, em abraços que hoje eu aceito
Amo sem Te ver, toda vez que eu amo a quem eu vejo

Quando abracei, quando visitei, quando alimentei enfim vi Cristo
Quando me importei, foi que Te encontrei, nos olhares dos Teus pequeninos

Quando abracei, quando visitei, quando alimentei enfim vi Cristo
Quando me importei, foi que Te encontrei, nos olhares dos Teus pequeninos
Pois eu também sou Teu pequenino.

Autor