Perdoa, Pai – Fabiana Anastácio

696
Published on 12 de março de 2019 by

O sol não pode perdoar
Isto ficou claro
Quando ele deixou de brilhar
Soldados não quiseram perdoar
E o corpo mutilado
De um inocentado
Alguém veio transpassar

Calvário e palco de cenas de dor
Lugar de estreia da salvação do pecador
No Gólgota cenário de ódio e rancor
mas o amor ali e o perdão
A cena roubou quando Jesus exclamou

Perdoa pai, perdoa pai
Perdoa este povo que não sabe o que faz!
Perdoa pai, perdoa pai
Perdoa este povo que não sabe o que faz!
Foram suas palavras finais

Os desprezo sofreu
A minha alma salvou
E mudou minhas trevas em luz
Ele mudou minhas trevas em luz
Transformou minhas trevas em luz
Ele mudou minhas trevas
E vai mudar você, vai transformar você
Vai mudar a suas trevas sonho
Minhas trevas em luz!

Perdoa pai, perdoa pai
Perdoa este povo que não sabe o que faz!
Perdoa pai, perdoa pai
Perdoa este povo que não sabe o que faz!
Foram suas palavras finais.

Artista