Quando o Fogo se Vai – Fernanda Brum

240
Published on 19 de março de 2018 by

Quando o fogo se vai
Só fica o cansaço, só restam as cinzas, só fica o luto
Quando o fogo se vai
Há uma confusão na minha adoração e a energia se esvai
E o mundo fica órfão do que eu deveria ser, mas não fui
Me torno o que Deus jamais pensou de mim

Mas pra que acenda o fogo então gritarei
Do azeite do Espírito me encherei
Esse combustível não pode faltar, pois me faz avançar

Quando o fogo vem
A meia-noite se torna um dia perfeito e eu sou revigorada
Quando o fogo vem
As canções viram chamas e pra chegada do Noivo eu estou preparada
E o mundo então conhece o que eu nasci pra ser em Deus
E o meu chamado me ponho a cumprir

Mas pra que acenda o fogo então gritarei
Do azeite do Espírito me encherei
Esse combustível não pode faltar, pois me faz avançar
Mas pra que acenda o fogo então gritarei
Do azeite do Espírito me encherei
E o que se fez cinza meu Deus faz brilhar
Fogo não vai faltar

Desce fogo, desce fogo (3x)
Desce queimando toda impureza do altar
Desce fogo, desce fogo (3x)
Acende o Teu fogo dentro dos meus ossos
Desce fogo, desce fogo (3x)
Fogo Santo queima toda dor
Fogo Santo que me faz um vencedor
Desce fogo

Autor: Fernanda Brum e Dedy Coutinho

Artista Tag