Quando o Inimigo Sou Eu – Léa Mendonça

986
Published on 18 de novembro de 2017 by

Por que é tão difícil dizer não pra si mesmo?
O pecado despertou em mim toda sorte de desejo
Na minha carne não habita bem algum
Quero fazer o bem, mas não consigo
Não compreendo o meu modo de agir, me sinto indefeso

Eu era réu confesso, condenado e destituído
Mesmo assim a Tua graça me absolveu, estou redimido
Se faço o que não quero, já não sou mais eu quem faz
Mas o pecado que habita em mim
Eu aceitei o sacrifício do Calvário, estou redimido

Se o inimigo me afronta tenho Deus pra me defender
Mas o que fazer quando o inimigo sou eu?

Eu fujo, eu corro, eu me escondo atrás da cruz
Não dá pra enfrentar a carne e sair ileso, preciso de Jesus
Quando o Pai olha pra mim, não sou mais eu quem Ele vê
Mas o Seu Filho crucificado
Estou escondido atrás da cruz
Nenhuma condenação há pra quem está em Cristo Jesus

Autor: Léa Mendonça

Artista Tag

Add your comment

Your email address will not be published.