Vida No Deserto – Liz Lanne

652
Published on 16 de setembro de 2017 by

Meu Mestre, quanto tempo esperei
Pra Te chamar assim, pra Te ter aqui
Meu Mestre, como pude me enganar
Sem saber que a fonte da vida em minha frente está

Olho para mim, me vejo tão deserto
Sem um manancial ou ribeiro por perto
Olho para Ti, a “Água da Vida”
Cura as minhas dores, sara minhas feridas

Rio de águas vivas, flui em meu coração
Põe sobre minha vida o selo da Tua unção
Cobre-me com Teu amor, com Teu favor, eu quero transbordar
E o mesmo nunca mais serei depois que a Tua glória me tocar
Minha história vai mudar

Em nossos dias, Deus, em minha geração
Vem com o Teu rio, flui da Tua unção
Traz vida no deserto, sacia o sedento
Passa com Teu rio agora aqui

Autor: Tony Ricardo

Artista Tag

Add your comment

Your email address will not be published.